Câmara de Três Lagoas promove conscientização de servidores sobre prevenção ao câncer de mamas e colo do útero - Bolsão em Destaque de Três Lagoas
Três Lagoas

Câmara de Três Lagoas promove conscientização de servidores sobre prevenção ao câncer de mamas e colo do útero

A Procuradoria da Mulher da Câmara Municipal de Três Lagoas promoveu evento para sensibilização e conscientização dos seus servidores sobre o câncer de mamas, em alusão ao Outubro Rosa. O evento denominado “Café com Elas” contou com a presença de servidores efetivos e comissionados, além dos vereadores Sayuri Baez, Marisa Rocha, Sirlene Pereira, Issam Fares e Davis Martineli, além do presidente, Cassiano Maia, médico ginecologista e obstetra, que preferiu a palestra educativa, e foi coordenado pela vereadora Evalda Reis, procuradora da Mulher.

Cassiano explicou de forma técnica, porém em termos simples, a dinâmica do câncer, ou seja, motivos pelos quais ele pode aparece e como se espalha pelo organismo, a chamada metástase. Ele pontuou que câncer de mamas, por ser de natureza glandular, é um dos que mais pode se espalhar para outros órgãos. Assim, com o diagnóstico no início, a cura é mais viável, além de prevenir que haja metástase. “A gravidade do câncer de mama não está só na lesão na mama, mas também na possibilidade de metástase, pois é uma área muito vascularizada e perto dos gânglios da axila, o que facilita que as células sejam levadas para outros locais do corpo”, explicou.

Segundo Cassiano, o cuidado rotineiro com o autoexame e exames de mamografia – anuais para mulheres com mais de 40 anos ou para quem tem caso familiar – auxilia na prevenção ou no diagnóstico e tratamento o mais cedo possível.

O presidente também falou sobre o câncer de colo do útero, destacando que o principal causador é o vírus HPV, um tipo de vírus que, provavelmente, circula livremente entre os adultos, não sendo transmitido somente por contato sexual. Como não é possível visualizar a lesão no colo, é necessário o exame anual de Papanicolau. Cassiano Maia afirmou que a vacinação entre os 8 e 12 anos, pode auxiliar na redução dos riscos deste tipo de câncer na vida adulta.

O vereador Dr Issam aFares Júnior destacou que vale a pena fazer os exames preventivos. “Quando se descobre uma alteração no início, o tratamento fica mais fácil e mais resolutivo. E a cura é um alívio para toda a família”, afirmou.

A vereadora Sirlene Pereira também ressaltou a importância dos exames de rotina e solicitou que todos ajudem na orientação da família e dos amigos. Marisa Rocha também falou da prevenção e da solidariedade. “Não podemos desistir”, disse. Sayuri Baez frisou o trabalho de assistência da Rede Feminina de Combate ao Câncer e também lembrou que cada pessoa é responsável por se tocar e fazer o autoexame.

A procuradora da Mulher, vereadora Evalda Reis, agradeceu a administração da Câmara pela oportunidade de oferecer conhecimento aos servidores e solicitou que todos espalhassem o que aprenderam. “O Outubro Rosa é mais que uma campanha, é uma forma de salvar vidas, pois a prevenção é o melhor caminho, visto que 80% dos tumores são descobertos pelo autoexame das mamas”.

Ela ainda informou que pelo menos seis mulheres têm diagnóstico de câncer de mamas, , em Três Lagoas, todo mês. “A incidência não tem sido apenas em mulheres com mais de 40 anos. Temos visto um número de até 10% entre mulheres abaixo desta faixa etária”, afirmou.

Quem quiser assistir à palestra, para entender o mecanismo do câncer de mamas e colo do útero, pode acessar o conteúdo pelo link https://bit.ly/3s6vhEY, no Canal Câmara de Três Lagoas, no YouTube.

Botão Voltar ao topo