Cãozinho fugiu de casa para esperar seu falecido dono do lado de fora do supermercado. eles compraram juntos - Bolsão em Destaque de Três Lagoas
Entretenimento

Cãozinho fugiu de casa para esperar seu falecido dono do lado de fora do supermercado. eles compraram juntos

A filha da mulher começou a procurar “Caramelo” em todos os lugares, quando a encontrou do lado de fora do supermercado, o mesmo local onde o bichinho acompanhava sua dona todas as semanas para fazer as compras. Eles eram inseparáveis.

É comum ouvir em várias partes do mundo que os cães são o ser mais fiel que já andou na Terra . Esta é precisamente a maneira de agir Caramelo , um pequeno pastor australiano, que espera pacientemente pelo seu dono todos os dias apesar de ela ter morrido há algum tempo.

Muitas vezes acontece que os cães com seus donos criam uma relação tão próxima que os seres humanos começam a considerar seus animais de estimação como sua verdadeira família. Caramelo, uma pastora de gado australiana, tinha esse vínculo com a patroa, tanto que a acompanhava em todas as suas atividades diárias, como sair ou ir ao supermercado.

Foi precisamente neste último local que Caramelo andava a vaguear , perdido à entrada do edifício. Enquanto as pessoas saíam com seus carrinhos cheios de mercadorias, eles podiam ver a cachorra atordoada , em óbvia angústia enquanto ela esperava pacientemente.

Mas de repente apareceu Karina Contreras, uma jovem que veio procurar o cachorro. Instantaneamente, as pessoas do lado de fora do supermercado pensaram que era a mulher, mas ela explicou que não era o caso.

Acontece que Caramelo era o bichinho da mãe de Karina. Infelizmente, a mãe da mulher morreu há alguns meses e, desde então, o cachorro teve dificuldade em assimilar que seu dono não está mais lá . É pelo mesmo motivo que o animal escapou da casa da mulher, para ir ao mercado e assim procurar sua dona.

Facebook: Prevenção Chihuahua

“Todo dia eu queria sair para procurá-la. Nunca nos ocorreu procurá-la lá, no supermercado ”, disse Karina através do Facebook , após contar a triste história de Caramelo.

Apesar de a cachorra sofrer com a partida de seu dono, pelo menos ela tem o consolo de que será bem cuidada, já que a própria Karina é quem adotou a cachorra da mãe e está disposta a dar a ela o mesmo amor que outrora conheceu Caramel.

Botão Voltar ao topo