Entomologia realiza ação para identificar insetos vetores de doenças em regiões de mata de Três Lagoas - Bolsão em Destaque de Três Lagoas
Três Lagoas

Entomologia realiza ação para identificar insetos vetores de doenças em regiões de mata de Três Lagoas

A proliferação de insetos que podem transmitir algumas doenças para os seres humanos é comum em regiões de clima quente e tropical, como é o caso de Três Lagoas. Para identificar os vetores que estão presentes na região e planejar ações de prevenção à determinadas doenças a Prefeitura de Três Lagoas, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), através do Laboratório de Entomologia realiza trabalhos de amostragem em bairros que são cercados por áreas de mata no município.

Um destes trabalhos de amostragem foi realizado pela equipe na noite desta segunda-feira (13). A ação aconteceu no bairro Novo Oeste e, de acordo com a bióloga Geórgia Medeiros de Castro Andrade, na captura realizada não foi identificada a presença de nenhum vetor de risco.

De acordo com a bióloga, o objetivo é realizar a ação uma vez ao mês em localidades cercadas por mata. Georgia explicou que a cidade está crescendo e alguns condomínios novos foram construídos em áreas de mata, por isso é importante identificar os insetos presentes na região e verificar os riscos que pode acometer aos moradores daquela área.

Georgia pontuou que após a realização desta ação será possível identificar a distribuição e densidade dos vetores.

Para realizar o estudo são instalados dois tipos de armadilhas, feita com uma barraca de shannon para verificar o índice de infestação de culicídeos e flebotomíneos. Dentro da armadilha é colocada um aspirador que “suga” todos os tipos de insetos e que posteriormente é analisado se há perigo de proliferação de alguma doença.

Outro método utilizado é a armadilha luminosa do tipo ” CDC ” (Center on Disease Control), neste sistema o inseto é atraído para a luz e fica preso no dispositivo. O posicionamento da lâmpada proporciona cobertura extensa e eficiente, atraindo os insetos presentes nos arredores.

As armadilhas são capazes de capturar o mosquito de leishmaniose e dos insetos arboviroses disseminadores de doenças como dengue, Chikungunya, Zika e febre amarela urbana, são doenças epidêmicas transmitidas pela fêmea adulta do mosquito Aedes aegypti.

Botão Voltar ao topo