Registrando baixa procura, três-lagoenses não levaram as crianças para vacinar - Bolsão em Destaque de Três Lagoas
Três Lagoas

Registrando baixa procura, três-lagoenses não levaram as crianças para vacinar

Passados uma semana, desde que iniciou a vacinação de crianças da faixa etária de 03 a 05 anos de idade, contra Covid-19, no dia 18 de julho, Três Lagoas imunizou apenas 6,73% do público alvo, segundo informou a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), por meio da Central de Imunização.

O Município vacinou 200 crianças, de um total de 2.969 previstas como meta para serem imunizadas, de acordo com a meta estabelecida pelo Ministério da Saúde.

Vale ressaltar que desde janeiro crianças com faixa etária de cinco anos completo já estavam recebendo o imunizante PFizer pediátrica, nesta etapa entram agora crianças a partir de três anos completos.

De acordo com Fernanda Nery, enfermeira da Central de imunização, a demanda está tranquila e são poucos país procurando as Unidades de Saúde, muitos aguardam o retorno às aulas, essa é uma realidade também em outros Municípios.

“Atualmente, são elas que correm mais risco diante de novas variantes altamente transmissível, por não estarem protegidas. Então, quanto antes receberem o imunizante melhor. É importante enfatizar que entre as vacinas de rotinas e vacinação contra Covid-19, precisa-se de um intervalo de 15 dias”, explicou a enfermeira.

VACINAÇÃO

O ponto de vacinação são as Unidades de Saúde, de segunda à sexta-feira das 8h às 16h30, e nas USF Saúde na Hora, das 8h às 18h, (Santo André, Atenas, Santa Rita, Vila Haro, Paranapungá, Jardim Maristela, Vila Piloto, Interlagos, São Carlos e Vila Nova).


A criança deve estar acompanhada dos pais ou responsável legal no ato da vacinação ou, caso não possam acompanhar, enviar representante maior de idade portando o documento de assentimento, além do termo, a criança deve levar documento oficial com foto e o cartão SUS.

Botão Voltar ao topo