SAMU de Três Lagoas ganha nova ambulância - Bolsão em Destaque de Três Lagoas
Três Lagoas

SAMU de Três Lagoas ganha nova ambulância

O prefeito Angelo Guerreiro participou ontem, quarta-feira (25), da cerimônia de entrega de chaves de 01 ambulância de suporte básico para o Serviço Móvel de Atendimento de Urgência (SAMU) do Município.

A ambulância foi destinada ao município pelo Ministério da Saúde, por meio do Programa de Reposição da frota do SAMU, que visa substituir gradativamente veículos com mais de 5 anos de uso. A atual frota do SAMU em Três Lagoas é composta por 03 ambulâncias, onde contará agora com a substituição por 01 ambulância de suporte básico de vida nova, avaliada em 276 mil reais.

 A secretária municipal de saúde, Elaine Fúrio destaca que “com a renovação da frota é possível fortalecer e qualificar o atendimento de urgência prestado ao cidadão. Este é um serviço de extrema importância e deve ser realizado de forma rápida e eficiente, por esse motivo é muito importante que os veículos estejam sempre em excelente estado de conservação”.

MELHORIAS CONTINUAM

Graças a pactuações o governo do Estado de Mato Grosso do Sul também apoiará com a renovação da frota do SAMU, serão adquiridas outras 03 ambulâncias pelo município em 2023, 02 com recurso municipal e 01 com recurso estadual, concluindo assim a renovação de toda a frota do SAMU e fortalecendo o setor de transporte de pacientes da Secretaria Municipal de Saúde.

O prefeito Guerrero reitera que em breve os outros veículos serão entregues. “Nossa gestão foi avaliada em 2022 com a letra A, dando mais credibilidade para recebermos recursos do Governo Federal e do Governo Estadual, como vem acontecendo. Com a chegada das novas ambulâncias vamos dar ainda mais agilidade ao serviço oferecido pelo SAMU, parabéns a secretária pelo excelente trabalho e toda equipe do SAMU”, finalizou o prefeito.

SAMU

Instituído em Três Lagoas no ano de 2008, o SAMU visa chegar precocemente à vítima após ter ocorrido alguma situação de urgência e emergência que possa levar a sofrimento, a sequelas ou mesmo à morte.

Em 2022, foram realizados 9.880 atendimentos à população, sendo 1.716 pela unidade de suporte avançado e 8.164 pelas duas unidades de suporte básico de vida.

Botão Voltar ao topo