Tio abusa de sobrinha de 11 e amiga de 12 anos em brincadeira de “esconde-esconde” - Bolsão em Destaque de Três Lagoas
Polícia

Tio abusa de sobrinha de 11 e amiga de 12 anos em brincadeira de “esconde-esconde”

Na manhã desta quarta-feira, 09/11, a Polícia Civil de Mato Grosso do Sul deu cumprimento a um mandado de prisão e de busca e apreensão na residência de um suspeito de ter abusado de sua sobrinha de 11 anos de idade, e da amiga dela, de 12 anos de idade.

Segundo relatos, o suspeito chamava as menores para brincar de “esconde-esconde”, e durante a brincadeira, praticava os abusos.

A Polícia Civil recebeu denúncias sobre o crime, sendo que durante semanas de investigação, foram constatados indícios suficientes de autoria e materialidade do delito de estupro de vulnerável, a autoridade policial então representou pela prisão temporária do suspeito, além de busca e apreensão, sendo estas expedidas pelo juízo criminal da comarca local, e cumprido nesta manhã.

Durante cumprimento das buscas, foram localizadas uma espingarda adulterada, calibre .22 e algumas munições, sendo o indivíduo autuado em flagrante por posse irregular de arma de fogo de uso restrito, cuja pena pode chegar a 6 anos de prisão. O autor foi autuado ainda por crime ambiental, em razão de ter aves presas em gaiolas em sua residência.

A Polícia Civil orienta que a denúncia deste tipo de crime é de suma importância, pois geralmente os casos ocorrem em ambientes familiares e com pessoas próximas. O primeiro sinal a ser observado é uma possível mudança no padrão de comportamento das crianças, devendo os responsáveis atentar-se a estas mudanças.

O crime de estupro de vulnerável é considerado hediondo, e a pena pode chegar a 15 anos de prisão. O suspeito somente será considerado culpado após o trânsito em julgado da sentença criminal.

Fonte PCMS

Botão Voltar ao topo